sábado, 11 de junho de 2011

Localização
O município de Paraibuna está situado no Alto do Paraíba na escarpa da Serra do Mar.

Coordenadas Geográficas
Latitude - 23° 23’10’’S
Longitude - 45° 39’44’’W Gr

Limites
Norte - Jambeiro
Sul - Caraguatatuba
Leste - Redenção da Serra e Natividade da Serra
Oeste - Salesópolis e Santa Branca

Distâncias
São Paulo - 124 km
São José dos Campos - 33 km
Campinas - 173 km
Campos do Jordão - 125 km
Caraguatatuba - 48 km
São Sebastião - 68 km
Mogi das Cruzes - 73 km
Ubatuba - 105 km
Rio de Janeiro - 333 km

Acesso
Rodovia dos Tamoios, km 32

Clima
O clima é classificado como mesotérmico com verões brandos e inverno seco.
Os ventos no verão vêm de direção norte e no inverno direção sul
Mês mais chuvoso : dezembro
Mês mais seco : agosto
Tipo climático de Koppen : CWA

Temperatura
Temperatura máxima anual : 32,35° C
Temperatura mínima anual : 7,5° C
Temperatura média anual : 20,4° C
Precipitação : 1300 a 1500 mm/ ano
*Segundo a classificação de Koppen

Hidrografia
O rio Paraíba do Sul forma-se em Paraibuna, com o encontro das águas do Rio Paraitinga com as do Rio Paraibuna.

Relevo
Os pontos culminantes de interesse são:
Cruzeiro - mirante natural, localizado no perímetro urbano onde avista-se a cidade.
Mirante do Remédio - localizado no perímetro rural denominado Bairro do Remédio. Proporciona uma vista parcial de São José dos Campos e mais algumas cidades do vale, inclusive a pedra do baú em São Bento do Sapucai. Naturalmente o clima tem estar bastante favorável para tais observações

Vocação Turística
Turismo Rural, Ecológico, Náutico, Gastronômico e Histórico
Brasão
Escudo português clássico, cortado: no primeiro, sobre campo de goles, no cantão direito do chefe, como flor-de-lis em prata, atributo de Santo Antônio, o arago do Município; ainda no primeiro, no centro, em perla de prata, o rio Paraíba e os seus formadores, os rios Paraibuna e Paraitinga, que próximos da sede do município se juntam, em barra, resultando aquele importante rio Brasileiro; dentro desse elemento simbólico dos três rios, três piabanhas em suas cores naturais, representam a espécie ictiológica mais importante de suas águas; no segundo, aparece em suas cores naturais, aspecto da paisagem típica da região sob céu perenemente azul, os quatros morros, que se situam na divisa do município de Paraibuna com Jambeiro e que assinalam o ponto onde bandeirantes de Taubaté subiram o rio Paraíba a fim de fundar a 13 de junho de 1666 a atual sede municipal; um touro, no meio do campo, lembra a nova e importante atividade econômica local, isto é, a pecuária.

Elementos Externos

Encimando o escudo, a coroa mural em ouro, de quatro torres ameadas, insígnia já fixada para coroação dos brasões dos municípios paulista, tendo pousado sobre a torre central, um martim- pescador, ave ribeirinha típica da região. Com suportes laterais, a cana e o café, tradicionais culturais do município. Como divisa, sobre listel em prata, grafado em preto Svper Flvmina ( sobre os rios ), referindo-se à situação topográfica da sede do município. Abaixo do listel, sob as hastes da cana e do café, a palavra Paraibuna.